22 de Junho de 2013

Carisma

Numa chegada a mértola:

 - Pichotes, são uns pichotes

O sorriso, o gozo, a simpatia e a crítica, faz seguramente dele o último dos cavalheiros. Possuía uma educação rara herdada talvez dos salões reais do séc 18. Único no uso extremo da delicadeza e educação não só com as senhoras mas sobretudo com os cavalheiros. Gabava as pessoas, incentivando-lhes o ego: Você é extraordinário, dizia amiude nem que fosse só por simpatia. Via em qualquer pessoa uma criança que precisava disso para poder crescer e se tornar um ser humano melhor.

Mas quando se referia às massas não perdoava. Ao saber das últimas carregou: Vocês são uns maricas e não vão conseguir subir a serra da estrela! Mas também confidenciava: Fico com pena de nunca ter subido monsaraz! Qualquer dia vamos lá, dizia-lhe o ricardão.

Num dos passeios do grupo do lourenço ao algarve a preocupação foi acelerar em bom, depois de beja, para o apanhar pelo caminho. Ele que saíra com companhia 45 minutos antes, para um percurso de 120 km. Inicialmente fosse pela vontade de não os apanhar rapidamente ou pela indiferença, sabendo que mais cedo ou mais tarde seriam caçados, a verdade é que o pequeno-almoço em s.matias demorou mais do que o normal, e quando se puxou dos galões já era.

Os primeiros do grupo da frente foram encontrá-los sentados num banco do jardim na praça de mértola. Todos se preparavam para ouvir um raspanete. O dr alberto lobo permanecia em silêncio respeitoso, mas ele não resistiu. Com um sorriso de orelha a orelha ria-se para dentro, mas via-se nele a pessoa mais feliz do mundo naquele momento. E provou-o:

- Maricas, são uns maricas, não foram capazes de apanhar um homem desta idade e dizem-se vocês ciclistas (entenda-se profissionais).

Nunca se levantava do selim, era um problema faze-lo entrar no carro de apoio nas longas viagens. Só o jorge paixão ou o fernando raposo o conseguiam convencer.

Nunca encostava o dedo indicador à narina para se assoar em andamento. Parava a bicicleta à beira da estrada, puxava do seu lenço de pano e procedia à limpeza dos canos. Meticulosamente voltava a dobrá-lo e guardava-o religiosamente no bolso traseiro.

Nunca recusava um empurrão serra acima, nem as loas nos dias seguintes a quem o fazia.

Nunca deixava de espicaçar os que brilhavam nos sprintes, nas subidas ou durante a refeição enquanto esperava pela última parte dos passeios/convívios onde brilhava e se evidenciava muito discretamente nos digestivos, dando um festival de sabedoria aos empregados dos restaurantes tentado sacar-lhes o que de melhor tinham na sua garrafeira.

Nunca deixou um passeio sem que “puxasse” pelos novos a fazer desaparecer uma ou outra bicicleta dos corredores do hotel.

Nunca deixou que ninguém demorasse tanto tempo como ele na higiene pessoal.

Serás um de nós sempre.

D.E.P – Rest in peace.

Ps: custa aceitar que a comunicação social utilize a designação de idoso. Não o conheciam. Isso é mais para quem está num lar ou acamado. Quem se equipa com todo o rigor e sai para a estrada na sua bicicleta será sempre um cicloturista ou um aficionado do ciclismo, nem que isso lhe custe a vida.

 

Referências anteriores neste blogue

“Mas os passeios anuais obrigatórios vão: desde o peixe do rio na juromenha, às migas de cabeção, passando pelas praias do carvalhal e de montegordo. Mas o maior de todos foi há 20 anos que passou pela arrábida até sesimbra, para o almoço dos 60 anos da retirada do zica (o godinho – podemos vê-lo todos os domingos a caminho da rotunda de aguiar).” http://unidosdacadencia.blogs.sapo.pt/19136.html

“A talho de foice, devo mencionar que um dia destes encontrei o “nosso” velhote, o Zica, que já teve a sua festa de homenagem aqui há uns anos e me disse: «Vou a caminho dos 70 anos e as pessoas perguntam-me do que eu gostava mais. Pois bem, eu digo-lhes, de um processo de paternidade», e mais à frente voltaria a tocar no assunto: «Recuso-me a confessar que tenho mais de 50 anos, embora isso torne ilegítimos os meus filhos.».” http://unidosdacadencia.blogs.sapo.pt/54605.html

publicado por Ubicikrista às 20:57

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21

23
24
25
26
27
28

30


Arquivos
2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
Contador (não o alberto) de visitas
blogs SAPO