08 de Setembro de 2014

 PERFIL

Os ciclistas precisam de dormir, não são como as

sardinhas que só passam pelas brasas, in digo eu

A falta de emprego atrasou-lhe a vida (casamento, filhos, etecetra), porque é que ele não podia atrasar o emprego, pensou, para mais quando se ganha tanto num como noutro, com uma diferença: numa delas tens tempo para não deixares de fazer o que gostas, podes continuar a viver enquanto o estado não te expulsa do país como fazem com os repatriados (recambiados para outra pátria, a de origem). Os estados faziam isto no passado, enviavam para fora, de preferência longe, os indesejados (prisioneiros civis, militares, políticos, religiosos ou loucos). Et voilá, resultou. Foi assim que se fundou um país, os estados unidos da américa.

Depois de lhes indicarem o caminho para lá da fronteira, curiosamente os nossos governantes antes das eleições, chamam-lhes os portugueses residentes no estrangeiro (ham?) ou os nossos emigrantes (duplo ham?) ou ainda, os nossos compatriotas (triplo ham? Os de cá são o quê?).

Antigamente eram só emigrantes.

Sem vínculo salarial não podes ficar mais de 3 meses noutro país, tens que te vir embora. Mas se viveres cá, não é preciso esperares tanto tempo, encaminham-te para fora do país em 3 … tempos. O segredo é, se fores rápido numa semana a ires lá fora e trazendo protagonismo, talvez te safes.

Mas, recuando:

- É pá hoje fiz cento e tal kms. É libertador, muito melhor que estar enfiado num call center qualquer.

O Granja, randouneur experimentado, foi-lhe metendo ferro: Pois, mas tens que penar um bocado para chegares aos 200. Repetir-lhe-ia o aviso mais tarde para os 300 e os 400.

Invariavelmente, antes do cansaço e sonolência, faltavam-lhe sempre 40 e depois 20 por muitas voltas que desse ao alto da abaneja ou à graça.

O mês de junho de 2012 fê-lo disparar para os 300 e depois para os 400. A partir daqui a história está prospetada nas redes sociais e a forma como se conseguia motivar e em parte subsidiar (pouca) para distâncias superiores, recorrendo à descrição dos factos de uma forma inédita, criativa e personalizada para cada leitor, juntando imagens com a experiencia de ex-jornalista na magazine de btt e a veia artística em fotografia e filmologia.

Agora o céu tem como limite o Race Across America: 4500 kms

Como dizem os árabes (incha lá, que bem mereces): In shaa Allaah (tomara)

ao Grande e Super Éme

o mais recente herói naciona

publicado por Ubicikrista às 21:38

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Arquivos
2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
Contador (não o alberto) de visitas
blogs SAPO