17 de Fevereiro de 2015

FICÇÃO

Na taberna:

aposto que o meu filho é capaz de carregar com 2 fardos de palha ás costas

- não apostes pai que perdes.

mas aposto que o meu filho é capaz de comer um cabrito inteiro

- aposta pai que ganhas

Acordou e vestiu o fatinho matinal domingueiro, embora fosse um dia de semana. Hesitou entre os botins do frio ou da chuva, mas não se esqueceu do smartphome (um telefone armado em chico esperto), oferta do menino jesus, muito menos forreta que o pai natal, na semana anterior. Dias antes abrira uma conta na inter mete para poder descarregar as andanças e outra para lá em casa saberem por que estradas andava, mal o procurassem no mapa do gugali. Até esse natal sempre funcionara o:

- Onde é que andas?

Metade das vezes nem ouvia a pergunta, mas intui-a, pois o desgraçado do telemóvel tocava sempre nos sítios mais impróprios, nas subidas de pé, onde as mãos só se ocupavam do volante. Outras vezes era o barulho do trânsito, ou o vento que não o deixavam fazer-se ouvir.

Na antiga balança juntou-se a mais 5 ou 6 companheiros sentindo que o teor etílico absorvido na noite anterior corria mais nas veias que o próprio sangue. A intensão era expulsá-lo por sudação, porque se enveredasse pela via mictória iria demorar mais tempo.

O desafio era o triângulo de viana, durante alguns anos, mais conhecido pela volta dos tristes. Antes de aguiar parou 2 vezes, uma para falar com o gregório e outra para substituir a camara de ar, não sem antes dar aires de graças à sra de serviço ali da zona, por aquele furinho milagroso. Já antes, a cadência alta, frente ao monte da conspiração do 25 abril fizera borbulhar o espumante da noite anterior por debaixo da nova cinta ANT +, originando efeitos sob a alçada da ponte, km e meio mais à frente.

Quando chegou a casa despejou imediatamente a sua façanha nas redes sociais. Passado segundos era informado que obtivera um Kom. de sobrolho franzido questionou-se:

- Como disse?

Continuou a processar informações em catadupla e ficou a saber que detinha o melhor tempo do ano, entre viana e evora, e logo no 1º dia do ano. Uau! Que pena aquelas paragens forçadas senão ainda ficaria mais à frente de si próprio.

Deduziu que os companheiros que chegaram à sua frente, para aí duas horas antes, não tinham nenhum bicho garminho, nem os respetivos caixotes do lixo, tais como o edmundo e os outros primos por afinidade, o ranho-estático, setrava ou o ranequipare. Provavelmente também não dispunham de ai-fai (nem mãe), como ele, e só fariam a descarga por cabo lá mais para a noite.

Vasculhando perto de 150 setores na região, viu que não estava sozinho nesta coisa dos comes: aquele moço da loja da cecote é o que tinha mais de 20 aqui na zona. Já na variante dos bebes (não comes) o papa kms da irlanda é que tinha mais terceiros (13) junto com o XL, e o antigo mascote da expo 98 mais segundos (17).

strava compila.bmp

publicado por Ubicikrista às 22:45

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


Arquivos
2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
Contador (não o alberto) de visitas
blogs SAPO