16 de Fevereiro de 2010

Havia dúvidas quanto ao famoso bronzeado de inverno, e viemos tirá-las. Nem reconhecíamos aqueles que nos fazem companhia na estrada, mas que só vêm a este tipo de provas por causa deste bronzeado. O outro, o de verão sabemos que se apanha em qualquer praia. Mas este tem um não sei quê de especial. Embora sendo inodoro, pelo aspeto dos desistentes, parece ser composto por água dos pés, vomitado de bêbado, bagaço das adegas, calhaus podres e bocados de osso (o percurso passaria por algum cemitério?).  Foi o Ribeiro que nos elucidou:

- É pá. esta merda parece lama!

Com relato, comentários e incentivos de transeuntes e de ciclistas acobardados, de ocasião

publicado por Ubicikrista às 03:29

06 de Fevereiro de 2010

FICÇÃO

Sugiro veementemente a Vossa Excelência que procure receber contribuições inusitadas

no orifício cocorado, do qual é proprietário, sito na região sacro-ilíaca

- do meu amigo Vasco, se alguma vez se zangar

 

A determinação com que um ciclista isolado pedala para a meta, por vezes já todo roto, é coisa que nos espanta sempre. Mas, e a determinação das mulheres? E se essas mulheres forem as esposas dos ciclistas? Vejamos. Voluntarina é uma esposa tão determinada que raramente dá o braço a torcer, pelo contrário. A sua determinação ficou bem patente enquanto ela esperava pela fisga da persiana da janela da sala, que o marido chegasse de mais um Évora-Caparica, quando lhe pareceu ver um vulto no quintal. Aproximou-se por detrás e sem fazer barulho, deitou-lhe a mão às partes baixas enquanto perguntava: quem é você. Não tendo obtido resposta, determinada, apertou com mais força e insistiu: quem é você. Nada. Já com pedaços de pele entre as unhas dos dedos, fez um ultimato. Finalmente o vulto explicou-se:

- Sou o mudo!

Voluntarina não é assim com todos. Com o seu marido, a quem os amigos chamam Pedal de Prata, para ela o seu PêPê, apenas lhe ralha por este ser teimoso em não querer admitir que é por ele que se atrasam sempre durante a semana para o emprego, mas que para andar de bicicleta todos os domingos e feriados até se levanta meia hora antes. Ele não concorda e acha que é é determinado, afinal ele é apenas um homem adaptado aos tempos modernos e à correria da vida, e para o provar levanta-se sempre com determinação cinco minutos antes de saírem de casa. Desfaz a barba com a máquina numa mão enquanto come uma maçã com a outra, a seguir escova os dentes enquanto com a outra mão faz o xixi matinal. Por vezes já tem feito amor com a mulher enquanto penteia a sua farta calvície.

Voluntarina, como qualquer mulher ou esposa, parece ter mais tempo para pensar, e num desses domingos em que Pedal de Prata, depois de 4 horas a pedalar até Monsaraz, quando se preparava para o duche retemperador, reparou num letreiro por cima da sanita a lembrar-lhe que ali se deve urinar sentado. Foi com um grito de horror da esposa que, 2 minutos depois, quando esta ia buscar a camisola interior suada, as meias e os calções (cuecas não, que não é material que ciclista use), para meter tudo na máquina de lavar, deparou com ele, meio sentado, mais para o deitado, no chão da casa de banho, a um metro da sanita e dali a tentar acertar lá dentro, num rigoroso exercício de cumprimento de ordens escritas, que ele não queria desobedecer, pois uma vez já tentara o divórcio indo mesmo a Tribunal. O Juiz até lhe pediu para lhe dizer qual o motivo para se querer divorciar da esposa (da esposa pois – ainda este ano se esperam divórcios de esposos). Meio envergonhado lá respondeu que ela o tratava como se fosse um cão! Mas, insistia o Juiz, maltrata-o, bate-lhe, não lhe dá de comer?
- Não! Quer que eu lhe seja fiel...

publicado por Ubicikrista às 04:45

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


Arquivos
2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
subscrever feeds
blogs SAPO