18 de Janeiro de 2013

“a dopagem no ciclismo era tão normal como encher os pneus ou os bidões antes de uma etapa”

confissão de Bjarne Riis há 5 anos e também que venceu o Tour 1996 dopado com EPO

 

Para os espantados com as (poucas) declarações pormenorizadas de Armstrong, transcreve-se um marco histórico de um proscrito na altura, Jesus manzano - ciclista profissional da kelme (2000/2003)

Como era o plano de dopagem?

Dão-te um tratamento de um mês, mês e meio, no qual o método é de um dia sim um dia não, um dia sim um dia não, a porem-te EPO. Sobem-te a taxa de hematócrito aos 54, 55 e a seguir extraem-te 2 sacos de sangue de meio litro para mais tarde fazerem uma re-infusão na prova em frança

publicado por Ubicikrista às 22:09

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


Arquivos
2018:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
subscrever feeds
blogs SAPO