01 de Outubro de 2009

«Se uma experiência correu bem, é porque

alguma coisa correu mal.»

  

Íamos ali a Málaga "a provar", como diz o Pedro Delgado, para caracterizar uma situação sempre que se tenta uma fuga que mais não seja para experimentar a reacção dos adversários. Se a coisa não corresse bem, ou caísse fora dos nossos sonhos, bie, bie Espanha. Hasta la vista.

Por outro lado, as montanhas sempre nos intrigaram. Hoje em dia, alguns psicólogos examinam o simbolismo do acto de escalar montanhas. Como declarou um deles, «é uma questão discutível se o desejo de um homem por mulheres com mamas grandes implica anseio por montanhas, ou se o anseio por montanhas oculta o desejo por mulheres de mamas grandes». Pessoalmente, não vejo por que uma coisa exclua a outra. Mas a sério! As dúvidas e expectativas persistiam. Como diria alguém realista: «e se tudo for uma ilusão e nada existir? Nesse caso, não há dúvida de que dei muito dinheiro pela meu carro novo».

Era o nosso debute e as dúvidas eram mais que muitas, as expectativas enormes e algum nervosismo. Os cabeços seriam como? A descer? Querias! Claro que não. Mas essas histórias dos 8, 10, 12 e 14 ou 15% são melhor ir lá ver para termos a certeza. E o transporte? E se levássemos as camisolas todas iguais? Da Banesto não temos para todos! E a dormida, e quantas pesetas vamos gastar? Podemos pagar em escudos? Toda esta teoria foi respondida atempadamente, mas faltava pôr em prática o ditado do tal Santo de ver para crer. Até porque, há a famosa discrepância entre teoria e prática. A teoria é quando se sabe tudo e nada funciona. A prática é quando tudo funciona e ninguém sabe porquê. A ver vamos...

publicado por Ubicikrista às 12:32

mais sobre nós
encontrar qualquer artigo por palavra ex: pudalari
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12
15

19
20
21
22
24

25
27
28
29
30
31


Arquivos
2018:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


favorito
blogs SAPO